Um Diário pela tua saúde

Escrever num diário é mais do que apenas registar memórias, é também uma forma de aumentar a saúde mental e fisica.

A importância de um diário de meditação

Ter um diário é algo que nos lembra a nossa adolescência, quando partilhávamos com um caderno os nossos segredos. Quase sempre com um cadeado que nos dava a esperança que os segredos eram salvos de olhares curiosos.

Para muitos de nós esse hábito ficou bem guardado também, em alguma gaveta do tempo.

No entanto este é um hábito muito saudável e que pode fazer maravilhas com a limpeza da nossa mente.

Para muitos de nós esse hábito ficou bem guardado também, em alguma gaveta do tempo…

O facto de escrevermos os pensamentos e os olharmos de fora, através dos olhos e expressos em palavras, faz-nos perceber invariavelmente o quanto a nossa mente divaga e que o que aparentemente são questões gravíssimas, se esvaem em segundos, deixando apenas o rasto de stress e ansiedade.

Quando começamos a partilhar com o papel esses pensamentos e problemas, rapidamente nos apercebemos que a imensa importância dessas questões e pré-ocupações, não passam de alguns breves momentos.

Também por vezes, temos ideias e inspirações que se não as registramos ficam perdidas no emaranhado de tarefas e questões diárias e acabam por nem serem retidas na nossa memória e, quem sabe, não seriam soluções importantes que resolveriam muitos dos nossos problemas.

Quantas vezes o nosso Eu maior envia-nos mensagens importantes, mas como temos o espaço da mente e da memória tão cheios, não conseguimos registar ou lembrar essas indicações preciosas.

É por isso de extrema importância renovar este hábito de escrever o que nos passa na mente. Especialmente após as meditações.

Quando meditamos temos oportunidade de olhar os pensamentos de fora e de os libertar. Nada melhor que os tirar da cabeça para o papel. Ou talvez quem sabe, por de trás desses pensamentos que teimam em não nos deixar em paz, ouvir as palavras importantes da nossa própria alma.

As palavras não tem de ser bonitas, as frases não têm de ser gramaticalmente corretas. Mesmo porque não é para publicar nenhum tratado ou escrever um bestseller. Serve apenas e só para que possamos tirar da mente as ideias, poder olha-las de fora e por vezes voltar atras e perceber esses momentos, esses dias, e que energia que nos guiava a mente.

De ter consciência de como a nossa mente pode ser a nossa melhor amiga ou a nossa pior inimiga. Fazer da nossa vida um paraíso ou um inferno.

Inúmeros estudos falam da importância de ter um diário e de registar as ideias e pensamentos.

Escrever um diário faz bem à saúde e reduz o stress

Está provado que o registo num diário é uma ferramenta incrível para controlar o stress e um bom hábito para diminuir os seus efeitos mesmo em termos físicos. Apenas 15 minutos por dia é o suficiente para reduzir a tensão arterial e melhorar o funcionamento do fígado. Para além disso, escrever sobre situações stressantes pode ajudar a geri-las de forma saudável. Implementar o hábito de escrever à noite e deixar sair as emoções através da escrita facilita a esvaziá-las da mente.

Melhora a função imunitária: Acredites ou não, a escrita expressiva pode fortalecer a imunidade e diminuir o risco de doenças. Pois retira do organismo as hormonas do stress e é uma forma de libertação.

Melhora a memória: O registo diário ajuda a manter o cérebro saudável e em forma. Não só aumenta a memória e a concentração, mas também pode aumentar a capacidade de memória de trabalho o que facilita o processo cognitivo.

Aumenta o humor: Traz uma sensação de bem-estar emocional geral e de felicidade.

Fortalece as emoções: Os benefícios a longo prazo fazem com que quem adquire este hábito esteja mais sintonizado consigo próprio e com as suas necessidades e desejos. Este registo invoca a atenção plena e ajuda a mantermo-nos presentes e manter a perspetiva. Ajuda o cérebro a regular as emoções. Traz um senso maior de segurança e confiança e de identidade.

O registo diário ajuda a gerenciar as adversidades e mudanças pessoais e a enfatizar padrões importantes e crescimento pessoal. Ajuda a estruturar e a ver as situações da vida de outras perspetiva para si próprios e em relação aos outros. Alem disso ainda desbloqueia e envolve o hemisfério direito de cérebro, responsável pela arte e pela criatividade.

Na verdade o diário promove a evolução pessoal e o crescimento espiritual.

Para começar pode não ser de todo fácil. Podes dar por ti a olhar para uma página em branco e não saberes bem como ou o quê partilhares com ela.

Primeiro: livra-te de culpas e simplesmente começa. Começa com uma única linha. Por exemplo, o que comeste, que cor tinha e ao que te soube… O resto virá.

Não te preocupes com pontuação, gramática ou ortografia.

Escreve apenas. O que escreves é para ti.

Não precisas ser um Fernando Pessoa ou um Mia Couto!

Ana Rute

Ana Rute

Professora de Yoga e Yoga Terapeuta

Mais artigos:

Subscreve Newsletter

Aprende mais acerca da Yoga Terapia

Partilha:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Encontra a presença e tranquilidade

Irei esclarecer todas as dúvidas específicas, como o Yogaterapia pode ajudar no seu caso pessoal. CONTACTO DE ESCLARECIMENTO